Destinos de trilhas desconhecidas pelo Rio de Janeiro

Existem algumas trilhas que não são conhecidas, pelos cariocas, são lindas. É
claro, que para esse esporte requer um pouco de disposição, força, um bom
tênis, água não pode faltar, alguns biscoitos, barras de cereais, talvez levar
outra blusa ou meia, para os caminhos com lagos e muita disposição. Rio de
Janeiro, cidade maravilhosa, apesar de seus problemas.

As trilhas desconhecida no Rio de Janeiro
Vamos citar duas trilhas aqui, que poucos cariocas conhecem. Vocês sabiam
que existe uma gruta no Rio de Janeiro? Ela fica na divisa de Maricá com São
Gonçalo. É a gruta do Spar. O caminho pode ser percorrido, saindo da praça
de Santa Isabel, em São Gonçalo e por dentro de fazendas. Para quem vai de
carro, o caminho, não passa e deve deixar o veículo, perto da praça de Santa
Isabel.

O trilheiro irá se deparar com uma fauna e flora típica dessa região. São flores,
frutas, como laranjas, jamelão, animais como: lagartos, cobras e micos, que
podem ser encontrados pelo caminho. É uma trilha moderada, a dica é que vá
com um guia, para não se perder numa bifurcação que pode dar em Maricá e
se desviar da rota para a gruta.

A gruta
Na chegada o visitante irá se deparar com um conjunto de várias cavernas,
dentro da mata e ao longe podemos avistar a região de Maricá. O lugar é lindo,
imponente, com suas rochas com cristais de quatzo. Um lugar que já foi uma
antiga pedreira. Íngreme e em alguns pontos escuros, encontramos muitos
morcegos.

Ela possui um lago em seu interior, de águas cristalinas, é importante que o
visitante leve uma lanterna em sua mochila, pois, alguns lugares são escuros e
não aconselhamos o banho, lago adentro, por possuir uma espécie de
redemoinho e que já fez algumas vítimas fatais que ali mergulharam, sem os
equipamentos de mergulho.

Um local muito procurado por quem faz a prática de rapel, por suas
construções na rocha. Um passeio inesquecível, de contato tremendo com a
natureza e que dá um sentimento de ficar, maravilhado ou maravilhada com
toda essa obra, esculpida pela natureza. É lindíssimo!

A trilha do alto do Gaia
Outra trilha que poucos conhecem é o alto do Gaia. O ponto mais alto de São
Gonçalo e também fica no Rio de Janeiro. São 534 metros de altitude, essa é

uma trilha com dificuldade difícil, leva em torno de 2h ou 2:30min mais ou
menos, dependendo do fôlego do trilheiro. Um caminho de pura beleza
também.

Fica na região rural de Santa Isabel, perto da praça de onde, foi o nosso ponto
de partida para a Gruta, aconselhamos não fazer essas duas trilhas no mesmo
dia. Será a primeira (RPPN) Reserva Particular de Patrimônio Cultural do
município de São Gonçalo, pois, fica nas terras do empresário Altineu Côrtes,
que é o dono da fazenda que encontramos no caminho, Fazenda Santa
Edwiges, onde fica o alto do Gaia.

A chegada ao topo com certeza, será marcada por um pouco de cansaço, mas
que compensa pela vista maravilhosa da pedra. Uma trilha que vai ficar
marcada na memória de seus visitantes e que deve ser feita, pois, é uma
experiência única e que poucos conhecem ou já ouviram falar delas.

Add comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Google Plus